Foto: Eugênio Augusto Brito/UOL

Entrada do Palexpo, onde o Salão de Genebra é realizado

Se, para alguns, o evento feito nos pavilhões do Palexpo, ao lado do aeroporto de Genebra, perde em importância para os Salões de Paris (que este ano será realizado em setembro) ou de Frankfurt (cuja próxima edição será em 2011), ou até para os combalidos autoshows de Detroit e Tóquio, o presidente da entidade que o organiza, Luc Argand, afirma que este seria o único sobrevivente caso se precisasse determinar a manutenção de apenas um Salão do Automóvel, pela sua principal característica: sem ter uma fabricante "da casa" para beneficiar, todas as montadoras estão em pé de igualdade em Genebra.

É neste "espaço aberto" que este ano alemãs, americanas, francesas, coreanas, suecas, italianas, inglesas, japonesas e chinesas, entre outras, mostram seus lançamentos ao mundo ou os reforçam aos europeus. Da "boca do forno" saem o compacto premium Audi A1, o renovado Volkswagen Touareg, a perua da nova geração do Focus, a prévia do Citroën DS High Rider, o conversível Renault Mégane Coupé Cabriolet, o esportivo Polo GTI, o modificado Kia Sportage, o remodelado Volvo S60, entre outros.

Foto: Eugênio Augusto Brito

Genebra mostra, já no aeroporto, estar no clima do salão

E é para lá que os olhos do mundo e da cidade se voltam durante quase duas semanas. UOL Carros também está em Genebra e trará informações sobre as principais atrações da feira. Assim, acesse a página especial da cobertura do Salão de Genebra 2010 para ficar por dentro do acontece. E para esquentar, comece pelo álbum de fotos geral das atrações do salão.